1. Qual seu nome?
  2. 18
    Maio

SOBRE MIM
Consultor Comercial de T&D.

Formação Acadêmica: Economia – Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Experiência de 30 anos nas áreas comercial, financeira e administrativa em grandes corporações.

LIDAR COM GENTE É DIFERENTE DE LIDAR COM CLIENTE

Post 19 of 32

Durante vários anos de experiência em ministrar cursos para vendedores, atendentes, caixas, estoquistas e gerentes, concluí que cada empresa deve empenhar-se em preparar seus colaboradores para lidar com gente e não apenas lidar com clientes. A diferença que existe entre estes dois tipos de relacionamento é que:

·         Para lidar com cliente, o funcionário pode usar de comportamentos artificiais, tratando bem o cliente para garantir o seu salário, o seu emprego, a satisfação do proprietário, consequentemente, os lucros da empresa e

·         Para lidar com gente, a pessoa deve estra pronta, amadurecida e evoluída o suficiente para saber lidar com vários tipos de pessoas e extrair o máximo aprendizado de cada relacionamento.

Percebe-se que, no decorrer de exercícios apropriados, a maioria das pessoas que necessitam lidar com clientes, revelam sentimentos de insatisfação e descontentamento, por sentirem-se obrigadas e trata-los adequadamente e a seguir as regras e padrões da empresa, discordam de muitas atitudes que devem realizar e cumprir, ou seja, não há naturalidade.

O vendedor que atinge maturidade em lidar com gente, trata super bem o cliente, valoriza-o, contorna situações indesejáveis com diplomacia, encanta-o, por ter naturalmente essas atitudes na maioria dos seus relacionamentos. Vale lembrar que a idade não define a maturidade, pois presenciei pessoas de diversas idades preparadas para lidar com gente e não apensa com cliente.

Há alguns anos atrás, especialistas preparam os conceitos de Clientes Internos e Clientes externos, no processo da qualidade. Clientes internos são os companheiros do ambiente de trabalho e Clientes Externos são os consumidores. Esses conceitos, objetivam conscientizar cada empresa, que a melhoria no tratamento e atendimento aos Clientes Externos, somente serão concretizadas, quando o início do processo for a melhoria no tratamento e atendimento entre os Clientes Internos. Desta forma, pôde-se perceber que já haviam as primeiras intenções de demonstrar que lidar com gente é diferente de lidar com cliente.

Menu